quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

SOBRE CÃES E BORBOLETAS























"Há pessoas que apresentam como defesa um cão negro adormecido ao lado, ou uma borboleta pousada no ombro.
E não nos aproximamos.
Ficamos com medo de acordar o cão, ou com pena de espantar a borboleta.
E continuamos afastados, apenas observando de longe...
Mas a vontade é de chegar perto, falar, perguntar, tocar na pele, conviver!
E até mesmo ter que desviver depois de ter vivido o âmago do sublime segredo.
Falta-nos coragem por causa do cão, ou sobra-nos sentimentalismo pela borboleta.
Mais fácil seria as pessoas deixarem em casa seus cães e suas borboletas."

João Carlos Pecci

2 comentários:

  1. Amei seu blog!!! Amoooooooooooooo borboletas!!!
    Parabéns pela ideia e iniciativa!!!

    PS: volte a postar mais, pq já add tua página no meu favoritos! εïз

    ResponderExcluir
  2. Vanessa querida,

    Seu desejo é uma ordem!

    hehehe

    beijos

    ResponderExcluir